quarta-feira, outubro 25, 2006

FANTASMA
Um fantasma tem-me perseguido
Libertar-me dele não consigo
Insiste em fazer parte da minha vida
Mas eu quero ter outra alternativa
Até mesmo na minha mente
Ele esta sempre presente
Assombrando as minhas decisões
E me faz perder tempo aos milhões
Gostava de me poder libertar
Pois acho que não há mais nada pra dar
É díficil eu sei
Mas um dia conseguirei
Seguir o meu rumo
Sem me desviar do prumo
Irei deixar o passado preso no escuro
Viver o presente e pensar no futuro...

1 comentário:

Nuno disse...

Quem é esse fantasma que te persegue, que não te deixa dormir... Será um amor próximo que te esteja a sorrir?? lolol